Colisão lateral deixa motociclista ferido em Ipira

Uma colisão lateral envolvendo um Siena de cor prata de Ipira e uma Honda CG de cor preta de Concórdia ocorreu por volta das 12h55min desta sexta-feira (20), na Avenida XV de Agosto, em Ipira. A Polícia Militar e Corpo de Bombeiros atenderam a ocorrência. Conforme informações, o condutor do Siena foi atravessar a pista, e o motociclista que vinha do sentido Peritiba/Ipira colidiu na lateral direita do automóvel.

Os bombeiros atenderam o motociclista com ferimento no braço. Após os procedimentos pré-hospitalares, ele foi conduzido ao Posto de Saúde de Ipira, para avaliação médica. Em consulta ao sistema, os militares constataram que o condutor do Siena não era habilitado, e o automóvel não estava em seu nome. Ele relatou que ingeriu bebida alcoólica durante o meio-dia, foi oferecido para que realizasse o teste do bafômetro, mas o homem recusou.

Os policiais autuaram o homem por não possuir e dirigir sem CNH, e recusar o teste do bafômetro. Os militares também confeccionaram um TC (Termo Circunstanciado), pelos crimes de lesão corporal por omissão de socorro, pois ele não ajudou a socorrer o motociclista que estava ferido.

A proprietária do automóvel que o homem conduzia compareceu ao local posteriormente. Ela também foi autuada pelo crime de direção e confeccionado um TC.

Magronada

Outras Notícias

PRF amplia a fiscalização durante o feriado da Proclamação da República em rodovias de todo o Brasil

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) lança à zero hora desta quinta-feira (14) a Operação Proclamação da República 2019...

Homem atira em bar e mata três pessoas, em Sério

Três homens foram mortos e dois ficaram feridos após um ataque em um bar no interior da cidade de Sério, no Vale do T...

Haitiano que depredou 40 veículos em Joinville passará por avaliação psiquiátrica 29 outubro 2019

Um haitiano acusado de danificar mais de 40 veículos no estacionamento de uma empresa, em Joinville, esteve no Fórum ...

Sem provas, homem não consegue ver a ex-mulher condenada por perturbar seu sossego

A 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina absolveu uma mulher de Campos Novos, região serrana do ...