Ameaça e dano ao patrimônio público foram registrados durante evento em Ipira

Dois homens foram conduzidos pela Polícia Militar à Delegacia de Polícia Civil de Joaçaba. Um deles causou dano ao patrimônio público e o outro, depois de uma briga, fez ameaças as autoridades policias. Os fatos aconteceram na quinta-feira (15), durante um evento no campo municipal de Ipira.

Ameaça

No evento, uma briga generalizada teve que ser contida pelos seguranças. Após a contenção, um dos seguranças procurou a Polícia Militar relatando que um homem de iniciais E dos S.J., fez uma série de ameaças. Os policiais militares foram obrigados a fazer o uso progressivo da força contra o homem. Foi necessário o uso de spray de pimenta.

Após a confecção do TC (Termo Circunstanciado), E dos S.J., ainda ameaçou o sargento da Polícia Militar, com palavras agressivas que dava a entender que com sua postura reagiria a ação policial.
Por segurança, os policiais militares conduziram o homem a delegacia de Polícia Civil de Joaçaba para os procedimentos cabíveis.

Dano ao patrimônio público

A guarnição da Polícia Militar realizava o policiamento preventivo no evento quando visualizou E.C.S., dando um soco e quebrando a torneira que fica na parede externa do ginásio ao lado do campo. Os policiais deram voz de prisão ao homem e o conduziram para a Delegacia de Polícia Civil de Joaçaba para os procedimentos cabíveis.

Magronada

Outras Notícias

PRF amplia a fiscalização durante o feriado da Proclamação da República em rodovias de todo o Brasil

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) lança à zero hora desta quinta-feira (14) a Operação Proclamação da República 2019...

Homem atira em bar e mata três pessoas, em Sério

Três homens foram mortos e dois ficaram feridos após um ataque em um bar no interior da cidade de Sério, no Vale do T...

Haitiano que depredou 40 veículos em Joinville passará por avaliação psiquiátrica 29 outubro 2019

Um haitiano acusado de danificar mais de 40 veículos no estacionamento de uma empresa, em Joinville, esteve no Fórum ...

Sem provas, homem não consegue ver a ex-mulher condenada por perturbar seu sossego

A 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina absolveu uma mulher de Campos Novos, região serrana do ...