O Gerente de Comunicação e Marketing da Uceff, Sadi Reckziegel, informou que assim que soube da possível não vinda da empresa contratada, a instituiçã

Empresa contratada para organizar formatura em Itapiranga não aparece; Polícia Civil irá investigar

Mais de 20 formandos do curso de Medicina Veterinária da Uceff, de Itapiranga, foram surpreendidos de forma negativa neste final de semana quando uma empresa contratada para a organização do evento não apareceu.
A cerimônia de colação de grau e a festa estão marcados para este sábado (23) no Complexo Oktober. O prejuízo estimado é de R$ 100 mil.
Em nota enviada à imprensa na manhã deste sábado, o Gerente de Comunicação e Marketing da Uceff, Sadi Reckziegel, informou que assim que soube da possível não vinda da empresa contratada, a instituição de ensino "buscou intermediar a contratação de outras empresas e manterá a Colação de Grau, no mesmo local e horário já marcado".
Ainda conforme Reckziegel, outras turmas já haviam realizado a contratação da mesma empresa que seria do Rio Grande do Sul. Por isso, segundo ele, "estão sendo vistas possibilidades de outros fornecedores executarem os trabalhos nas datas previstas".
A princípio, todas as datas, locais e horários continuam agendados. A Comissão de Formatura relatou o fato a Polícia Civil que fará as investigações.

Fonte: WH Comunicações / Camila Pompeo
A.M

Outras Notícias

PRF amplia a fiscalização durante o feriado da Proclamação da República em rodovias de todo o Brasil

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) lança à zero hora desta quinta-feira (14) a Operação Proclamação da República 2019...

Homem atira em bar e mata três pessoas, em Sério

Três homens foram mortos e dois ficaram feridos após um ataque em um bar no interior da cidade de Sério, no Vale do T...

Haitiano que depredou 40 veículos em Joinville passará por avaliação psiquiátrica 29 outubro 2019

Um haitiano acusado de danificar mais de 40 veículos no estacionamento de uma empresa, em Joinville, esteve no Fórum ...

Sem provas, homem não consegue ver a ex-mulher condenada por perturbar seu sossego

A 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina absolveu uma mulher de Campos Novos, região serrana do ...